Após acordo com anestesistas, Santa Casa retoma cirurgias eletivas

As cirurgias não urgentes deixaram de ser realizadas durante alguns meses devido a existência de débitos da gestão anterior e pela dificuldade de um novo acordo com o grupo de anestesistas

Por Redação 11/12/2017 - 11:26 hs

A Santa Casa de Pompeia retomou nesta semana as cirurgias eletivas que estavam paralisadas. A informação foi confirmada pela instituição, em conjunto com o Departamento de Higiene e Saúde. Cirurgias eletivas são aquelas em que se consegue escolher a melhor data para se realizar o procedimento cirúrgico. Geralmente ela é realizada após diversos exames, que são feitos para obter as melhores condições de saúde de saúde do paciente.

A retomada foi possibilitada depois de uma reunião entre o grupo de anestesistas, a Diretoria da Santa Casa, o superintendente do DHS, Rogério Teixeira Barbosa “Pida” e a Prefeita Tina Januário. Nesta reunião o saldo devedor foi dividido e será pago em doze meses conforme acordo firmado pelas partes. “Estamos retomando as cirurgias eletivas, e nos colocando à disposição da instituição, pois trabalhamos em conjunto pelo bem da população. Também agradeço por mais esta intervenção e apoio da prefeita Tina Januário, sempre presente na defesa dos interesses da Santa Casa”, disse o superintendente do DHS.

Já a chefe do executivo falou sobre os contratos anteriores, as discussões e a busca para a regularização da situação. “Estamos concentrados em garantir o acesso à saúde de qualidade, prioridade da nossa administração. A Santa Casa não poderia continuar sem a realização destas cirurgias, mesmo que não-urgentes, pois a instituição é fundamental para a população. Nós temos feito grandes economias em diversos setores, a fim de priorizar investimentos e pagamentos voltados para a saúde do munícipe, e essa volta favorece diretamente aos pacientes que estão na espera”, concluiu.