DHS divulga balanço parcial da vacinação contra a gripe

Em Pompeia, 4.479 pessoas já foram vacinadas. Com este total, o município atinge hoje 55,2% do público-alvo previsto para a imunização.

09/05/2019 - 17:54 hs

Desde o início da Campanha de Vacinação Nacional contra a Gripe (10/4) até a tarde desta quinta-feira (09/5), foram vacinadas 4.479 pessoas nas sete unidades de saúde do município. A meta, em Pompeia, é vacinar pelo menos 90% das 8.113 pessoas que integram o público-alvo. A população vacinada até o momento equivale a 55,2% da meta.

A maior procura registrada está entre as pessoas acima dos 60 anos, com 2.036 doses aplicadas. Em cobertura, o grupo com maior destaque é o das mães com bebês nascidos há até 45 dias na cidade, com 29 doses aplicadas. Entre as crianças, já foram vacinadas 784 e entre as gestantes foram 96 doses. Trabalhadores da saúde somam 244 doses aplicadas e Professores, 112 doses aplicadas. Pacientes com doenças crônicas não transmissíveis e outros sem comorbidades, registram juntos cerca de mil outras doses aplicadas.

“A procura ainda está baixa e precisamos reforçar este alerta porque a gripe é uma doença perigosa, principalmente a Influenza A tipo H1N1”, frisou a enfermeira do setor de Epidemiologia, Luciana Martessi. A vacina protege contra os subtipos H1N1 e H3N2 da Influenza A e contra a Influenza B. “Ao receber a dose o cidadão está se protegendo e protegendo o próximo”, acrescentou.

A campanha segue até o dia 31 de maio, nas unidades de saúde da rede pública, com a aplicação das doses de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.

Calendário
O Departamento de Higiene e Saúde de Pompeia segue o calendário do Ministério da Saúde para a campanha. A semana de 10 a 18 de abril foi dedicada à vacinação exclusiva de gestantes, crianças entre seis meses e menores de seis anos, e mães de bebês nascidos há até 45 dias.

A partir de 22 de abril, foram incluídos os demais públicos prioritários: maiores de 60 anos, profissionais da saúde, pessoas com doenças crônicas não transmissíveis ou outras condições clínicas especiais, professores, policiais e funcionários do setor de educação da rede pública e privada.

Prevenção
A vacina é uma das formas de prevenção do vírus Influenza. Higienizar as mãos frequentemente com álcool gel ou lavar com água e sabão, evitar aglomerações e locais fechados são outros cuidados que ajudam contra a proliferação do vírus. Também é importante evitar compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas.