Golpistas invadem várias contas de Whatsapp em Tupã

DIG emite alerta com recomendações de como evitar clonagem

26/06/2019 - 11:15 hs


A Polícia Civil de Tupã confirmou ontem (25) a clonagem de diversas contas de whatsapp de moradores da cidade.

Uma das modalidades utilizadas para a clonagem foi a inclusão de usuários em um grupo de venda de roupas.

A outra modalidade foi feita com pessoas que fazem anúncios em grupos ou sites de vendas.

O estelionatário entra em contato com a vitima ou vendedor e solicita a ele um código “pin” que o dono do celular receberá por TORPEDO SMS.

Ao fornecer esse código, a conta do Whatsapp da vítima é clonada.

Segundo a delegada responsável pela Delegacia de Investigações Gerais de Tupã, Milena Davoli Nabas de Melo, existe uma maneira de evitar a clonagem, que é a confirmação em duas etapas.

Isso é feito seguindo na pagina inicial do whatsapp. O usuário deve entrar no modo de ajustes (no caso do sistema I.O.S. da Apple para Iphones) ou nos três pontinhos ( no caso do sistema Android).

Em seguida você deve escolher a opção contas e depois “confirmação em duas etapas”.

Na sequência o internauta deverá fornecer um código de seis dígitos e em seguida seu endereço de email.

Segundo a Delegada esta é a única maneira de você se defender.

Fonte: OCNET.com