Servidores públicos de Tupã paralisam atividades e protestam em frente à prefeitura

Segundo o sindicato, cerca de 250 funcionários aderiram à mobilização que começou na manhã desta sexta (8) e pede reajuste no vale-refeição e pagamento pelos serviços prestados durante as ações de combate à dengue.

09/08/2019 - 16:44 hs
Foto: Karine Francisco

Funcionários públicos de Tupã (SP) paralisaram as atividades na manhã desta sexta-feira (9), em frente à prefeitura.

Os trabalhadores reivindicam com a greve o reajuste no vale-refeição e pagamento pelos serviços prestados durante as ações de combate à dengue no município com verba federal.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais, cerca de 250 servidores aderiram à mobilização.

O principal grupo paralisado é o de agentes de combate de endemias, agentes comunitários e auxiliares do desenvolvimento infantil das creches.

A prefeitura afirma que o atendimento nas creches e escolas municipais não foi afetado porque as unidades já estavam preparadas para enfrentar a paralisação. E que também não há reflexos no setor da saúde.

Os manifestantes devem ficar concentrados durante o dia no local, e ainda nesta manhã está prevista carreata que vai passar pela Avenida Tamoios, ruas Aimorés e Marílias. No final da tarde, uma assembléia deve indicar os rumos da greve, que não tem prazo para terminar.

Em 2019, a Secretaria da Saúde de Tupã confirmou três mortes por dengue e mais de dois mil casos confirmados da doença. Os casos de leishmaniose também preocupam, uma pessoa morreu e, por conta disso, os trabalhos foram intensificados.

Fonte:G1