Esposa reconhece corpo de atendente que estava desaparecido em Marília

Rafael Rondon Maia da Silva, de 30 anos, estava desaparecido desde 28 de dezembro.

29/01/2020 - 13:18 hs

A Polícia Civil confirmou que a esposa do atendente Rafael Rondon Maia da Silva, de 30 anos, que estava desaparecido desde 28 de dezembro, assinou nesta quarta-feira (29) um auto de reconhecimento para o corpo localizado no último domingo (26). 

Apesar do corpo estar em avançado estado de decomposição, a mulher teria reconhecido Rafael através de tatuagens.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado após seu desaparecimento em Marília por volta de 17h em 28 de dezembro de 2019.

Ainda segundo a polícia, a necropsia não encontrou sinais de morte violenta, portanto as investigações prosseguem. Devido ao avançado estado de decomposição do cadáver, foi retirado material genético para não haver dúvida da identidade. O laudo deve sair em alguns meses, de acordo com a polícia.

O homem deixa quatro filhos e tinha sido visto pela última vez saindo da casa onde vive, na rua Setembrino Cardoso Maciel, na zona Leste de Marília.

Rafael foi encontrado no último domingo no Parque dos Ipês, zona Sul da cidade. De acordo com o Boletim de Ocorrência registrado na ocasião, por volta de 12h50 a Polícia Militar foi acionada por uma moradora que encontrou o cadáver no final da rua Arlindo Borges, nos fundos da estação de tratamento de esgoto.

A testemunha relatou morar nas proximidades e que encontrou o corpo enquanto caminhava.
Fonte: Marilia Notícia