Seja bem vindo
Pompéia,15/08/2022

  • A +
  • A -
Publicidade

Cruzeiro visita o Ituano para garantir título simbólico do 1º turno da Série B

Foto: noticiasaominuto.com.br
Cruzeiro visita o Ituano para garantir título simbólico do 1º turno da Série B


Líder isolado da Série B do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro tem uma grande oportunidade de aumentar ainda mais sua vantagem e, de quebra, garantir o título simbólico do primeiro turno. Nesta terça-feira, às 19h, visita o Ituano, no estádio Novelli Júnior, em Itu (SP), em jogo atrasado da 14ª rodada. A partida foi remarcada por causa da participação do clube mineiro na Copa do Brasil.


O Cruzeiro aproveitou bem os últimos dois tropeços do vice-líder Vasco e abriu nada menos do que seis pontos de vantagem: 37 a 31. Se vencer o Ituano, o time mineiro chega a 40 com 13 vitórias, enquanto o Vasco, neste primeiro turno, só pode chegar a 40 com 11 vitórias. Mais importante ainda, a vantagem para o quinto colocado aumentaria para 17. O Ituano vem de derrota para o Criciúma, por 2 a 1, e tem 17 pontos, logo acima da zona de rebaixamento (Z-4), em 16º lugar.



A lista de relacionados feita por Paulo Pezzolano tem como novidades os atacantes Breno e Jhosefer. Na defesa, o zagueiro Zé Ivaldo, que teve incômodo na coxa, foi confirmado, assim como Eduardo Brock, poupado no último jogo. Por outro lado, o volante Neto Moura está fora por suspensão e Felipe Machado e Adriano são as opções. O goleiro Gabriel Brazão, o meia João Paulo e os atacantes Jajá e Rafa Silva são outros desfalques, todos no departamento médico.



Apesar da vantagem, Pezzolano quer o time focado apenas em um jogo por vez. "A conversa de sempre é que temos que ir para o próximo jogo. Temos que ganhar o próximo jogo e eu quero que saiamos com a mesma intensidade, com a mesma fome que estamos tendo", destacou.



O técnico Mazola Júnior deve ter todo o elenco à disposição. Sem suspensos, a única dúvida fica por conta do meia Pacheco, que já não participou do último jogo. Se não jogar, Córdoba inicia entre os titulares.



Mazola lamentou a última derrota e pediu para que o time aproveite melhor as chances criadas. "Os meninos trabalham muito, mas não tivemos competência no último jogo. Criamos três ou quatro oportunidades claras de gols e o Criciúma deu quatro chutes no nosso gol e fez dois gols. Precisamos trabalhar para converter as chances, principalmente contra o Cruzeiro, que tem uma das melhores defesas da competição", analisou.




COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login